Faça você mesmo

“Diga-me e eu esquecerei, mostre-me e talvez eu lembre, envolva-me e eu entenderei.”

A frase acima, dita por Benjamin Franklin e lembrada pela consultora Thais Wendling resume muito bem um dos momentos que a moda vive. Cada vez mais as pessoas buscam produtos únicos, com identidade.

Envolver o consumidor na produção é a chave encontrada por algumas marcas hoje. “Nada como atingir o lado psicológico e sentimental do cliente. É uma possíbilidade de impactar mais pessoas, até mesmo aquelas que não olhavam para a marca antes”, lembra Thais.

Acessórios, bolsas, roupas. Até aí a ideia de customização parece simples. Mas e quando falamos de calçados? A tecnologia – e muita criatividade – já tornaram a customização de sapatos possível. Listamos algumas marcas que já inserem seus consumidores na receita do seu produto final. Quer ver?

 

Lasso

interna_lasso

A Lasso, de Paris, é quase um quebra-cabeças. A matéria-prima base do sapato é feltro, couro e um cadarço. Para usar, é só montar. Toda a sua produção é sustentável e local.

 

Fondue

interna_fondue

Imagine fazer um sapato com o mesmo princípio do prato típico suíço. Essa é a ideia do Fondue. O protótipo ainda está em estudo, mas a ideia é que você mergulhe o seu pé na solução do produto, seque o pé com secador e voilà. Um sapato feito do tamanho e forma do seu pé.

 

Feetz

interna_feetz

Imagine tirar fotos do seu pé com um app, enviar para a marca e receber um sapato feito em impressão 3D em casa. Isso já é possível com o Feetz. Os sapatos são customizáveis e seu lema diz tudo: “Temos 7 bilhões de tamanhos: um para cada pessoa no mundo”.

VER TODOS OS POSTS

POSTS RELACIONADOS