Identidade na prática

Um estado rico em história com uma indústria que não transmitia sua produção cultural. Santa Catarina é o palco do projeto assumido por Ronaldo Fraga junto ao SEBRAE/SC.

Dez empresas, o mesmo objetivo: fazer o pólo calçadista de São João Batista crescer através de suas referências locais.

Reconhecendo as peculiaridades de cada marca, o estilista buscou traçar uma trajetória única para cada necessidade apresentada. Trabalhando com diferentes temas, os produtores locais focaram na proposta de encontrar sua própria identidade dentro da pluralidade do estado catarinense.

 

social-1

 

Mariza Dias, gerente comercial da Suzana Bissoli, marca participante do projeto, conta que o começo foi um desafio. “Um novo aprendizado, uma nova experiência. De início foi um pouco assustador, mas depois perdemos o medo e descobrimos como alcançar o objetivo. Hoje nossa produção já está à venda em várias regiões do Brasil”, conta.

Criar um vínculo entre produção, cultura e o Brasil de hoje. Esse é o conselho de Ronaldo para os profissionais da indústria que buscam a sua identidade. Como? Para o estilista mineiro, a resposta é simples: “O que o mundo mais precisa é de afeto”. Através de um sentimento, um novo mercado se ergue – mais forte e cheio de personalidade.

 

VER TODOS OS POSTS

POSTS RELACIONADOS