SCMC promove evento sobre Moda Circular e Responsável em Blumenau

SCMC promove evento sobre Moda Circular e Responsável em Blumenau 23Abr
IBB

Uma oportunidade para conhecer como a Economia Circular é capaz de trazer soluções poderosas para transformar a moda em uma força de promoção de impactos positivos ambientais, sociais e econômicos no Brasil. Esta é a proposta do evento que trará uma Palestra e um Workshop Técnico para discutir as melhores práticas mundiais da Economia Circular para Blumenau/SC nos dias 9 e 10 de maio. O Evento "Um caminho para Inovação e Sustentabilidade" realizado pelo coletivo de Moda Circular e Responsável – promovido pelo SCMC, Santa Catarina Moda e Cultura, é destinado a gestores e às áreas de P&D, Design, Marketing e Industrial.


As atividades iniciarão com o TALKS SCMC, no dia 09 de maio, das 19h às 21h, no Senai Blumenau. Nesta atividade serão abordados os impactos socioambientais na moda através de cases de práticas inspiradoras em uma roda de conversa para impulsionar o engajamento e a comunicação em toda a indústria.


Já no dia 10 de maio, das 14h às 18h, na Fundação Fritz Muller FFM, ocorrerá um Workshop para aprofundamento do tema, abordando os seguintes assuntos: inovação para economia circular; impacto socioambiental na moda; cases de práticas inspiradoras de empresas; além de uma roda de conversa. Os palestrantes do workshop são do grupo de consultores do Instituto by Brasil (IBB): Alexandre Gobbo Fernandes, fundador do EPEA Brasil, pioneiro na aplicação e disseminação da Economia Circular e Cradle to Cradle desde 2011; Flavia Vanelli, designer e especialista em Criação e Desenvolvimento de Produtos com foco em pesquisa e atuação estratégica em Inovação, Sustentabilidade e Cadeias de Valor, que está à frente do Estúdio RatoRói Moda e Design (SC); e Raquel Sabrina, sócia e consultora da Società e especialista em indicadores de sustentabilidade e análise de aspectos socioambientais e de direitos humanos de setores e cadeias.


Para Fernandes, a aplicação do modelo de economia circular para redesenhar a indústria de vestuário para que ela funcione de forma benéfica às pessoas e aos ecossistemas desafiará toda a indústria, desde o fornecimento das matérias-primas às opções de consumo. “Este modelo permitirá que o setor de vestuário seja uma força do bem, para colocar melhores práticas em ação hoje e apoiar a inovação do setor no futuro próximo”, destaca. “Isso significa colocar em prática um sistema em que materiais saudáveis para as pessoas e o meio ambiente são usados continuamente, a água é conservada limpa e a energia é de fonte renovável, e as pessoas trabalham com dignidade”, complementa Fernandes.


Já para Osni de Oliveira Junior, diretor de Marketing da Círculo SA e Vice Presidente do SCMC, já não se pode mais ignorar ou postergar a economia circular. “Na minha visão, a economia circular está muito ligada à forma com que a empresa se adequa para reduzir insumos, materiais e energia elétrica. Temos que ter claro que é fundamental reduzir sem perder a qualidade e a velocidade nos processos”, explica Oliveira Junior. “A sustentabilidade neste sistema econômico e industrial está também relacionada a iniciativas que gerem lucro de forma responsável social e ambiental para manter a sobrevivência e longevidade dos negócios”, complementa. Para ele, não há mais espaço para o sistema linear na cadeia produtiva. “Já estamos vivendo e sofrendo com os impactos dessa exploração descontrolada de recursos naturais. Temos que agir agora para salvar o planeta, os negócios, para obter mais rentabilidade e aumentar e preservar os recursos naturais”, finaliza.


As inscrições para o evento são gratuitas e devem ser realizadas até o dia 3 de maio, através do link: www.bit.ly/TalksSCMC.


Saiba mais sobre o grupo de Moda Circular promovido pelo IBB através do site: www.institutobybrasil.org.br/consultoria-em-moda-circular-e-responsavel.

 

Ligar

Diagnóstico